Repensando o sentido da vida à luz de uma reflexão existencial dos desafios futuros

Glaucia da Rosa do Amaral Alves, Elsbeth Léia Spode Becker, Marcos Alexandre Alves

Resumo


Terra e humanidade formam uma única e complexa realidade. Humanidade e natureza tem uma mesma origem e um destino comum diante do futuro. No entanto, a sociedade do mundo atual preconiza o individualismo, o dualismo, o egoísmo coletivo e não encontra uma nova compreensão de si mesma que a possa orientar. O objetivo do artigo é expor a ideia da recuperação de uma cosmovisão da dimensão feminina do ser humano e as virtudes para um novo mundo possível. No mundo atual, a educação, o ensino de humanidades e a suave interação entre a razão e a intuição podem conduzir à transformação da sociedade e ao pensamento livre para a construção da consciência universal fraterna e sensível.


Palavras-chave


Cosmovisão; virtudes; condição humana.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15536/thema.V16.2019.447-457.1160

Revista Thema.

Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Sul-rio-grandense. Pelotas, RS, Brasil. 


Indexadores / Indexing

Logotipo do Crossref          

  Logotipo do Latindex