Nanotecnologia e polímeros: revisão dos temas visando a abordagem em aulas de Química

Denise Leal de Castro, Maxwell de Paula Cavalcante, Maria Clara Guimarães Pedrosa

Resumo


Este trabalho é uma revisão sobre o tema nanotecnologia e polímeros, com o objetivo de fornecer informações atrativas e relevantes que servem como subsídios para aulas de ciências e, em especial de Química. A Nanotecnologia é uma ciência de caráter multidisciplinar, assim possibilita uma abordagem integrada na formação dos jovens alunos do Ensino Médio, porém a natureza e as características desse “mundo nano”, não são comumente discutidas em sala de aula. Apesar de a Nanotecnologia possuir suas particularidades e conceitos, é possível a utilização desse tema para ensinar os conceitos de Química como, por exemplo, forças intermoleculares. Polímeros são macromoléculas constituídas por muitas unidades químicas repetidas ao longo da cadeia, que são ligadas covalentemente, chamadas meros, e estão presentes em muitas substâncias usadas no cotidiano, principalmente nos plásticos. Segundo relatos, é possível mostrar que o tema nanotecnologia, apesar de ter um apelo contemporâneo, é um conhecimento utilizado pela humanidade desde 4000 anos antes de Cristo. Este tema é bastante promissor em possibilidades para o ensino de temas relacionados à química orgânica entre outros. O presente trabalho apresenta uma breve sugestão de utilização do tópico forças intermoleculares, em aulas de Química, utilizando como tema gerador os nanocompósitos poliméricos, visto que, para o preparo desses materiais, é necessário que haja uma boa compatibilidade entre a nanopartícula e a matriz polimérica.


Palavras-chave


Polímeros; nanotecnologia; forças intermoleculares; ensino de Química.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15536/thema.V16.2019.313-330.1164

Revista Thema.

Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Sul-rio-grandense. Pelotas, RS, Brasil. 


Indexadores / Indexing

Logotipo do Crossref          

  Logotipo do Latindex