Necessidades dos produtores de hortaliças e tabaco do sul do Rio Grande do Sul em relação a mecanização

Tiago Vega Custódio, Roger Toscan Spagnolo, André Oldoni, Latóia Eduarda Maltzahn, Antônio Lilles Tavares Machado

Resumo


A agricultura familiar é responsável por uma parcela importante da produção agrícola do país, entretanto se depara com deficiências principalmente no que se refere às máquinas agrícolas compatíveis com suas necessidades. Neste contexto, a abordagem do presente estudo foi caracterizar as demandas dos produtores familiares da região sul do Rio Grande do Sul, em relação a mecanização utilizada na produção de hortaliças e tabaco. As informações foram coletadas junto aos produtores por meio de entrevistas. Utilizou-se um questionário semiestruturado, o qual, permitiu a combinação de perguntas abertas e fechadas. Constatou-se que os produtores familiares que produzem hortaliças e tabaco na região estudada, necessitam de um sistema mecanizado capaz de formar canteiros e depositar fertilizantes em uma única operação. Além disso o equipamento deve possuir baixo custo e de fácil abastecimento. Também foi constatado que os tratores de quatro rodas utilizados pelos produtores variam entre 36,77 e 62,52 kW de potência no motor.


Palavras-chave


Máquinas agrícolas; agricultura familiar; projeto de máquinas.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15536/thema.V17.2020.354-363.1327

Revista Thema

__________________________

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense (IFSul).
Pelotas/RS - Brasil. 


Indexadores / Indexing

Logotipo do Crossref          

  Logotipo do Latindex