Alface à mesa: Implicações sócio-econômicas e ambientais da semente ao prato

Reges Echer, Patrícia Braga Lovatto, Calisc Oliveira Trecha, Gustavo Schiedeck

Resumo


Considerando as análises toxicológicas apresentadas pela ANVISA entre 2001 e 2011, e dados sócio-técnicos referentes às diferentes formas de cultivo da hortaliça, o presente trabalho busca elucidar e distinguir os caminhos que a alface trilha da horta à mesa do consumidor. Alicerçando-se numa ótica mais sustentável e seguindo o referencial bibliográfico disponível foi possível inferir sobre os limites e as possibilidades para a produção orgânica de alface, onde os sistemas de produção de base ecológica aparecem como uma alternativa viável e ascendente para a produção da hortaliça no Brasil, integrando conhecimentos populares e científicos com a conservação da biodiversidade local para o fornecimento de alimentos seguros e soberanos da semente ao prato, para o homem e para a natureza.


Palavras-chave


Lactuca sativa L.; Agroecologia; agrotóxicos; intoxicação humana

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15536/thema.13.2016.17-29.361

Revista Thema

__________________________

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense (IFSul).
Pelotas/RS - Brasil. 


Indexadores / Indexing

Logotipo do Crossref          

  Logotipo do Latindex