A Origem Histórica do Conceito de Área de Preservação Permanente no Brasil

Glaucus Vinicius Biasetto Ribeiro

Resumo


RESUMO

A nossa atualidade vem sendo marcada por uma crescente preocupação com as questões ligadas ao meio ambiente e com a preservação do nosso planeta. De uma maneira geral o aquecimento global, a influência antrópica, a degradação de ambientes naturais, os processos ecológicos, a biodiversidade, a sustentabilidade, bem como a cidadania ambiental tem se tornado temas de discussão nas diversas esferas de convívio social.Dentro da história brasileira podemos identificar uma série de regramentos de caráter ambiental considerando-se como marco a Lei 4.771 de 15 de setembro de 1965, que instituiu o novo Código Florestal Brasileiro. Ao longo do presente artigo procuraremos investigar a origem da conceituação das áreas de preservação permanentes, tema alvo de grandes discussões na atualidade, tal qual surgiu e foi inserida na legislação brasileira, procurando recuperar esse aspecto específico da história do Brasil.

Palavras-chave


Palavras-chave: história do Brasil, áreas de preservação permanente, legislação ambiental

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15536/thema.8.2011.%25p.67

Revista Thema.

Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Sul-rio-grandense. Pelotas, RS, Brasil. 


Indexadores / Indexing

Logotipo do Crossref          

  Logotipo do Latindex