Voleibol sentado: análise da produção científica brasileira

Vitória Crivellaro Sanchotene, Janice Zarpellon Mazo

Resumo


O Voleibol Sentado é um esporte paralímpico, o qual se apresenta como uma alternativa para a inclusão de pessoas com algum tipo de deficiência na prática esportiva. Esse esporte resultou de uma adaptação do Voleibol Olímpico, apresentando os mesmos princípios de jogo. As adaptações dizem respeito à altura da rede, tamanho da quadra, o bloqueio ao saque, entre outras. O presente estudo tem como objetivo averiguar o cenário da produção científica brasileira online sobre o Voleibol Sentado.  Para tanto foi realizada uma revisão bibliográfica das publicações acadêmicas nacionais (em língua portuguesa) sobre a temática do Voleibol Sentado, buscando identificar os enfoques que estão em evidência. Foram analisados oito estudos, cujos resultados foram agrupados em três categorias: treinamento, aspectos psicológicos e aspectos educacionais. Apesar de haver poucos trabalhos que discorram sobre o Voleibol Sentado, a conclusão foi de que existem mais estudos que descrevem sobre o Voleibol Sentado no meio escolar e poucos estudos que falam sobre as outras vertentes dessa modalidade paralímpica.


Palavras-chave


Voleibol adaptado; voleibol sentado; esporte paralímpico; Voleibol para pessoa com deficiência

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15536/thema.15.2018.563-574.804

Revista Thema.

Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Sul-rio-grandense. Pelotas, RS, Brasil. 


Indexadores / Indexing

Logotipo do Crossref        

Logotipo do Latindex